quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Engenheiro Licenciado em Biologia (M/F) –Madeira

Engenheiro Licenciado em Biologia (M/F) –Madeira 

O nosso cliente é uma prestigiada empresa no sector em que atua, que no seguimento da sua estratégia de crescimento procura contratar um Engenheiro Licenciado em Biologia. 

Responsabilidades: 
Este profissional estará integrado no departamento de produção, sendo responsável por gerir todos os procedimentos necessários para garantir a qualidade de produção de algas, bem como por identificar possíveis anomalias. 

Perfil Pretendido: 
- Formação académica ao nível da Licenciatura em Biologia; 
- Experiência profissional mínima de 3 anos a exercer funções de Engenheiro numa empresa de produção de Algas; (Fator eliminatório) 
- Elevada experiência em todas as etapas do processo de produção de algas; 
- Experiência consolidada na identificação de possíveis anomalias no produto; 
- Domínio do Idioma inglês ao nível oral e escrito; 
- Elevada capacidade de iniciativa e realização dos objetivos estabelecidos; 
- Gosto pelo trabalho em equipa. 

Oferecemos: 
- Integração numa empresa de referência com estrutura sólida; 
- Elevadas perspetivas de evolução na carreira; 
- Remuneração aliciante. 

Observações: 
- Full Time; 
- Madeira. 

Av. Columbano Bordalo Pinheiro, 108 - 5º, 1070-067 Lisboa 

Tel: 21 781 24 50 | Fax: 21 781 24 59 

Equipa responsável: 

Elevus Lisboa - CM & MKT 

Os candidatos interessados deverão encaminhar o currículo para o e-mail:

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Recruta-se Professores Secundário

Recruta-se professores de nível secundário para leccionar as disciplinas de Biologia e Geologia; Matemática e Fisico-Quimica; MACS; Linguas 

Requesitos Obrigatórios: 
Horário: Part-Time

Perfil do candidato: 
- Habilitações académicas mínimas: Licenciatura em área via ensino
- Gosto pelo ensino a crianças/jovens
- Pontual e assíduo
- Dinâmico e proactivo
- Responsabilidade e espírito de equipa
- Residência em Vila do Conde (preferencial).
- Regime Recibos Verdes
- Lucros Por precentagens


Resposta Obrigatória para:

    geral@maladosafectos.com

sábado, 12 de dezembro de 2015

Professores de Física e Química/ Biologia e Geologia (m/f)

A S.P. Kids & Teens - Centro de estudos e atividades educativas, localizado na Quinta do Conde, está recrutar professores e explicadores multidisciplinares(m/f) de Física/Química e Biologia/Geologia; 

Procuramos colaboradores com; 
Disponibilidade horária da parte da tarde (15:00 - 19:00) 
Gosto pelo ensino a crianças e Jovens (essencial) 
Residência na área da Quinta do Conde (preferencial) 
C/ capacidade de comunicação e motivação dos alunos 
Dinâmico/Pró-ativo 
C/ espírito de equipa 
Responsável 
Pontual e assíduo 
C/ conhecimento dos atuais programas escolares 
Disponível para acompanhar os alunos até final do ano 
Regime de prestação de serviços. 

Oferecemos: 
Colaboração num projeto educativo diferente, onde o que impor

ta são realmente os alunos. 
Remuneração de acordo com a experiência e metas alcançadas 
Ambiente de trabalho familiar. 

Enviar o C. V. (preferencialmente com foto) para

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Professores para Explicações

Procuramos professores com experiência nos vários escalões de ensino para as seguintes disciplinas:

Línguas: 
- Português
- Francês
- Inglês

Outras: 
- Matemática
- Biologia/geologia
- Filosofia


Os interessados deverão enviar CV para:

lugaresdesaber@gmail.com

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Precisa-se de Docente de Biologia/Geologia Profissionalizado (para substituição)

Colégio em Odivelas
Precisa-se de Docente de Biologia/Geologia
Tempo Inteiro (Substituição por licença de maternidade)

Enviar CV para

recursoshumanos@e-flordocampo.pt


domingo, 6 de dezembro de 2015

Precisa-se Professor(a) de Biologia 3º ciclo

Precisa-se de professor(a) de Biologia do 3º ciclo, para dar explicações em centro de estudo, em Matosinhos, em regime de part-time. Pretende-se disponibilidade imediata. 

Contacto

    competitividades@gmail.com


sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Recruta-se Técnico de Laboratório - Lisboa

ManpowerGroup Portugal, Multinacional de Recursos Humanos, líder em Recursos Humanos a nível mundial, pretende recrutar técnico de laboratório (M/F) para integrar prestigiada empresa cliente. 

Enquadramento profissional: 
O profissional a recrutar irá realizar as seguintes funções: 
- Análises laboratoriais na área de microbiologia. 

Perfil: 
- Escolaridade ao nível do ensino superior na área de físico-química/biologia/microbiologia ou curso profissional de técnico de laboratório; 
- Experiência em função similar; 
- Conhecimentos de Inglês; 
- Bons conhecimentos de equipamentos de laboratório de controlo de qualidade; 
- Boa capacidade de gestão de tempo; 
- Dinamismo e elevada capacidade de responsabilidade. 

Oferece-se: 
- Contrato de Trabalho; 
- RBM + S.A. 

Horário: 40 horas semanais, de 2ª-6ª feira das 09:00h às 18:00h 

Local: Lisboa 

Caso reúna o perfil pretendido e pretenda concorrer a esta oportunidade deve realizar a sua inscrição através do link: 

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Procura-se Professor de Biologia e Geologia

Pretende-se recrutar um professor habilitado para dar explicações de Biologia e Geologia ao ensino secundário e preparar para os exames nacionais.

Preferência para residentes em Vila do Conde e Póvoa de Varzim.

Centro de Estudos Rotunda do Professor, Vila do Conde.

Responder para

    rotundadoprofessor@gmail.com

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Professor de Biologia/Geologia - Urgente

Centro de Estudos em Rio de Mouro recruta professor de Biologia/Geologia para explicações, em regime de prestação de serviços. 

Perfil dos Candidatos: 
- Formação Superior; 
- Experiência na área; 
- Disponibilidade de horário; 
- Conhecimento dos programas curriculares; 
- Sentido de responsabilidade; 
- Capacidade de comunicação e motivação dos alunos; 
- Disponibilidade para acompanhar os alunos até final do ano lectivo. 

Deverá responder apenas se cumprir os requisitos indicados para o e-mail:

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Precisa-se Professor(a) de Biologia e Geologia Ensino Secundário para Centro de Estudos

 
Anúncio:

Precisa-se Professor(a) de Biologia e Geologia para lecionar Ensino Secundário em Centro de Estudos no centro da cidade de Braga. 

As candidaturas devem ser enviadas para

 apoioaoestudo.braga@gmail.com

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Precisam-se formadores para cursos EFA componente escolar - Dupla Certificação - FARO

A Escola Europeia de Estética procura Professores Licenciados na seguintes áreas: 
- Biologia/Geologia 
- Economia e Gestão 
- Português/Francês 
- Fisico-quimica 

Para lecionar a formação nos cursos EFA de Dupla Certificação, na componente escolar: CLC, STC e CP. 

A formação terá lugar nas delegações de FARO. 

Envio de currículo vitae com fotografia actualizada para:

sábado, 21 de novembro de 2015

Professor(a) Biologia e Geologia

Centro de estudos em Águas Santas necessita de professor(a) de Biologia e Geologia para explicações/apoio a alunos do ensino secundário. 

Enviar CV para

    conquistadoresdofuturo@gmail.com


sábado, 26 de setembro de 2015

Explicador de Biologia e Geologia

A Quatrosfera pretende recrutar explicador de Biologia/Geologia. 

Dá-se preferência a residentes nos concelhos de Almada ou Seixal 

Os interessados deverão enviar CV para



quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Professor Biologia e Geologia - Arouca

Centro de Explicações situado em Arouca pretende recrutar Professor de Biologia e geologia para preparação dos alunos para exame (10º e 11ºano). 

Os interessados deverão enviar CV para:


terça-feira, 22 de setembro de 2015

Recrutamento de Professor do Grupo: 520 [Leiria]

Recrutamento de Professor do 3º Ensino Básico e Secundário do grupo: 520 Biologia. 
Documentos obrigatórios para análise: 
-Curriculum Vitae; 
-Certificado de Habilitações; 
-Comprovativo de profissionalização no Grupo; 

Enviar elementos de candidatura para


com a referência Leiria - 520 Biologia 

domingo, 20 de setembro de 2015

Professor Biologia e Geologia

O Ginásio da educação DAVINCI- Unidade de Guimarães, está a recrutar um/a profissional com licenciatura em ensino de Biologia e Geologia para integrar a sua equipa. 
Dá-se preferência a residentes em Guimarães. 
Envie o seu CV para

    guimaraes@davinci.com.pt

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Precisa-se professor(a) de Biologia e Geologia

A Academia Conta Comigo pretende recrutar professor (a) de Biologia e Geologia, para explicações e preparação de exame nacional - regime de prestação de serviços. 

Envio de curriculum para:

    geral@academiacontacomigo.com


quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Escola autoriza uso de telemóvel


O Estatuto do Aluno não permite telemóveis dentro da escola, mas no agrupamento de Carcavelos a direção propôs que os aparelhos possam até ser usados na sala de aula. O Conselho Pedagógico e o Conselho Geral aprovaram e a medida entra já em vigor. "Já era usado em aulas de Artes, Biologia e Inglês, e estabelecemos uma norma que permite e até favorece o uso na sala, mediante autorização do professor", disse ao CM Adelino Calado, diretor do agrupamento, acrescentando: "O objetivo é que possa ajudar nas aprendizagens, ao mesmo tempo que se trabalha a cidadania, porque damos autonomia mas exigimos respeito pelos limites." Adelino Calado dá um exemplo dos limites: "Os alunos podem usar o telemóvel para tirar fotos nas aulas de Artes ou procurar um documento na internet, mas não para estar a jogar." O diretor nota ainda que o telemóvel pode ser usado para fazer contas, dispensando a compra de calculadora. Este agrupamento tem-se destacado por abordagens inovadoras, sendo a taxa de retenção de apenas 3 por cento. 

Noticia retirada daqui

Precisa-se professora Geometria Descritiva e Biologia

Precisa-se para Centro de Explicações : 

Professor de Geometria Descritiva e Biologia do 10º ao 12º ano. 


Para trabalhar em part-time (apenas 1 ou 2 h semanais ) num centro Explicações em Freamunde. 

Devem indicar no email o lugar onde moram. 

Apenas se aceita candidaturas de professores que habitem no Concelho de Paços de Ferreira ou nos Concelhos Limítrofes. 


Enviar currículo para:

    asesnamatematica@gmail.com

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Ministério da Educação envia listas de candidatos a 7.573 concursos autónomos


Em comunicado enviado à agência Lusa, o ministério afirmou que começa na quarta-feira "a seleção dos candidatos pelos diretores das respetivas escolas, a contratar para os grupos de recrutamento".

O MEC adiantou que os procedimentos são feitos por cada uma das 303 escolas TEIP que tenha contrato de autonomia, para cada grupo de recrutamento com horários por preencher.

Cada um destes horários é um concurso autónomo e cada candidato pode concorrer a cada um dos concursos e a todos os lugares disponibilizados para os grupos de recrutamento, desde que possua qualificação profissional, referiu.

O MEC sublinhou que esta "é mais uma etapa de colocação de docentes, após a divulgação das listas definitivas dos professores colocados nos concursos de mobilidade interna e dos candidatos colocados em contratação inicial, tendo por objetivo colmatar todas as necessidades temporárias de pessoal docente de Agrupamentos de Escolas e Escolas não Agrupadas".

Num total de 13.130 docentes de carreira que entraram no concurso da mobilidade interna, foram colocados 11.936.

Em 25.296 candidatos a contratação inicial, foram colocados 2.833 professores em vagas consideradas necessidades transitórias das escolas.

Houve ainda 1.434 candidatos a renovação do contrato, dos quais 949 conseguiram manter o vínculo.

No âmbito das chamadas necessidades transitórias das escolas foram, assim, colocados 3.782 docentes a contrato.

Por se tratar de ano de concurso interno e externo, todos os professores dos Quadros de Zona Pedagógica (QZP) tiveram de concorrer, o que se refletiu num número mais elevado de horários pedidos pelas escolas, aumento que o ministério atribui também à diversificação das ofertas educativas.

Os diretores escolares pediram o preenchimento de 17.850 horários, ficando agora resolvida a situação de 15.718 horários.

Os restantes serão quase todos absorvidos por procedimentos concursais como a BCE, mantendo o MEC duas reservas de recrutamento para situações que surgem no início do ano letivo, resultantes da substituição de docentes por doença ou maternidade.

EJ (AH) // JPS
Lusa/Fim

Informação retirada daqui

sábado, 15 de agosto de 2015

Professor/a de Biologia - Figueira da Foz

Estamos a selecionar um(a) professor(a) para dar explicações de Biologia nos nossos centros do Paião e da Figueira da Foz. 

Requisitos: 
- Habilitações superiores na área; 
- Proximidade geográfica. 

Condições: 
- carga horária (de acordo com a procura dos clientes); 
- flexibilidade de horários; 
- contrato de prestação de serviços. 

Os candidatos deverão enviar o seu CV para o email



quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Professores de Biologia e Geologia e Físico-Química

A Academia do Parque é um centro de estudos e atividades localizado em Oeiras junto ao Parque dos Poetas. Dispomos dos seguintes serviços: 

- Explicações Individuais e em Grupo; 
- Sala de Estudo Acompanhado; 
- Cursos de Línguas; 
- Cursos de Informática; 
- Aulas de Guitarra e Formação Musical; 
- Cursos de Pintura/Desenho; 
- Academia Sénior. 

Neste momento estamos a recrutar Professores para o próximo Ano Letivo nas seguintes áreas: 

- Física e Química (ensino secundário e ensino superior); 
- Biologia e Geologia (ensino secundário e ensino superior); 


Informações: 
- Local: Academia do Parque, Oeiras. 
- Regime de Prestação de Serviços. 

Caso tenha interesse em juntar-se à nossa equipa, envie o seu currículo para



terça-feira, 11 de agosto de 2015

Recrutamento de EXPLICADORES (m/f) para a EXPLICOLÂNDIA Reguengos de Monsaraz

Tendo em vista o inicio do ano letivo 2015/2016 da EXPLICOLÂNDIA Reguengos de Monsaraz, estão abertas a candidaturas para o recrutamento de colaboradores para o serviço de Apoio Pedagógico: 

Áreas Disciplinares: 
- 1: Matemática (Ensino Básico) 
- 2: Matemática (Ensino Secundário) 
- 3: Português (Ensino Básico) 
- 4: Português (Ensino Secundário) 
- 5: Física/Química (Ensino Secundário) 
- 6: Biologia/Geologia (Ensino Secundário) 
- 7: Inglês (Ensino Básico) 
- 8: Inglês (Ensino Secundário) 
- 9: Francês (Ensino Básico) 
- 10: 1ºCiclo (Ensino Básico) 

Unidade de Recrutamento: 
- Explicolândia Centro de Estudos Reguengos de Monsaeaz 

Perfil do candidato: 
- Professores ou licenciados na área 
- Forte sentido de responsabilidade 
- Capacidade de comunicação e motivação dos alunos 
- Conhecimento dos atuais programas escolares 
- Acompanhamento dos alunos até final do ano letivo 
- Disponibilidade horária 
- Regime de prestação de serviços 

Inicio: 
- Setembro 2015 

Oferecemos: 
- Colaboração num projeto educativo ambicioso e em expansão 
- Integração numa equipa com elevada organização e profissionalismo 
- Remuneração de acordo com a experiência e objetivos alcançados 
- Excelente ambiente de trabalho 

Os candidatos deverão enviar o Currículo Vitae (com foto) e Carta de Apresentação para o email


até ao dia 8 de Setembro, indicando: 
- Áreas disciplinares 
- Disponibilidade de horário 
- Remuneração/hora pretendida 

Para mais informações poderá consultar o site em www.explicolandia.com ou o Facebook em www.facebook.com/explicolandia 
 

sexta-feira, 31 de julho de 2015

Formadores de BIOLOGIA (Sistema de Aprendizagem)

Precisa-se de FORMADORES para o seguinte módulo do Curso de Aprendizagem na área de Cuidados de Beleza - Esteticista-Cosmetologista: 

- BIOLOGIA _ Hereditariedade (25h) 
_ Interações com microrganismos (25h) 

Documentos a apresentar: 

. Documento de Identificação Pessoal; 
. Certificado Habilitações; 
. Curriculum Vitae; 
. CAP / CCP; 
. Declarações de Não Divida às Finanças e Segurança Social. 

formadoresfjlx@gmail.com

quarta-feira, 29 de julho de 2015

Explicador (a) Biologia - Alverca

Precisa-se de explicador (a) de Biologia para Alverca.
10€/H.
Enviar CV com foto atualizada.

geral.ideiasfixas@gmail.com

segunda-feira, 27 de julho de 2015

Explicador (a) de Biologia / Geologia

A OPEN MIND - Centro de Formação, Acompanhamento Escolar e Consultoria, Lda., precisa de Explicador (a) de Biologia / Geologia do ensino secundário. 

Os candidatos deverão enviar o Curriculum Vitae actualizado para o e-mail:

sábado, 25 de julho de 2015

Explicadores/Professores para Centro de Explicações Soure 2015/2016

Para o ano letivo 2015/2016,Centro de Explicações Plena.mente em Soure pretende admitir professores de: 
- Biologia (Ensino Secundário); 
- Português (Ensino Básico e Secundário); 
- Inglês(Ensino Básico e Secundário); 
- Francês; 
- Físico-Química(Ensino Básico e Secundário); 
- 1.º Ciclo do EB (com preferência por professor com formação em Educação Especial) 

Dá-se preferência a candidatos da Zona de Soure. 
Envie CV detalhado e certificado de habilitações para o seguinte e-mail:

quinta-feira, 23 de julho de 2015

Explicadores de Biologia - Geologia

A Academia de Estudos Génios e Traquinas, com sede na Damaia, procura explicadores para a disciplina de Biologia - Geologia de 10º a 12º ano. 

Enviar currículo para

recrutamento@geniosetraquinas.pt

terça-feira, 21 de julho de 2015

Vila Nova Gaia - prof/a Biologia

Recruta-se Professor(a) de Biologia/Geologia para apoio educativo/explicações a alunos do ensino secundário no Ginásio da Educação Da Vinci-Vila Nova Gaia para o ano letivo 2015-2016: 

Condições de admissão: 

- Licenciatura na área ou compatível; 
- Conhecimento dos conteúdos programáticos da área curricular; 
- Experiência na preparação para os exames nacionais; 
- Disponibilidade, nomeadamente no período da tarde. 


Os candidatos interessados deverão responder a este anúncio para o seguinte endereço de e-mail (anexar CV e indicação de disponibilidade):

vngaia@davinci.edu.pt

domingo, 19 de julho de 2015

Precisa-se de Professores/Explicadores para a Grande Lisboa

A APRENDE MAIS RECRUTA PROFESSORES/EXPLICADORES (M/F) PARA EFECTUAR APOIO PEDAGÓGICO AO DOMICÍLIO, EM REGIME INDEPENDENTE DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS. 

Áreas de Ensino: 
- Alemão 
- Espanhol 
- Inglês 
- Francês 
- Mandarim 
- Português 
- História 
- Economia 
- Geografia 
- Biologia e Geologia 
- Filosofia 
- Física e Química 
- Matemática 
- Geometria Descritiva 
- Desenho 

Zonas: 
- Amadora 
- Cascais 
- Lisboa 
- Loures 
- Odivelas 
- Oeiras 
- Sintra 

Perfil dos Candidatos: 
- Formação Superior 
- Experiência na área; 
- Possibilidade de colaborar em regime de prestação de serviços (Recibos Verdes); 
- Disponibilidade horária (da parte da tarde); 
- Conhecimento dos programas curriculares; 
- Sentido de responsabilidade; 
- Capacidade de comunicação e motivação dos alunos; 
- Disponibilidade para acompanhar os alunos até final do ano lectivo; 

Os horários e locais das explicações são da sua conveniência sendo compatíveis com a sua profissão. 

Envie o seu curriculum vitae com fotografia acompanhado de carta de apresentação e cópia do certificado de habilitações para





sexta-feira, 17 de julho de 2015

Recrutamento de Professores de Biologia para o ano letivo 2015/2016 para São João da Madeira

O Mentes Brilhantes encontra-se a recrutar professores de Biologia para o próximo ano Letivo. Os professores interessados deverão enviar o currículo para

brilhantes.m@gmail.com


quarta-feira, 15 de julho de 2015

Professores de todas as disciplinas - Explicolândia Lisboa-Alvalade

A Explicolândia Lisboa-Alvalade pretende recrutar colaboradores de várias disciplinas para reforçar a sua equipa de trabalho para o ano letivo de 2015/2016. 

Os interessados deverão enviar CV com fotografia para o seguinte mail:


Deverão ainda indicar as disciplinas a que se candidatam, assim como a disponibilidade horária actual e a partir de setembro. 

Damos total preferência a: 
1) Professores em formação académica; 
2) Professores sem colocação. 

Disciplinas: 
- Matemática, Português, Inglês, História, História e Cultura das Artes, Geometria Descritiva, Física-Química, Biologia e Geologia, Francês, Filosofia, Economia, 1º Ciclo, 2º Ciclo; 

sexta-feira, 3 de julho de 2015

Um Mundo Colorido


Download - Um Mundo Colorido


sexta-feira, 19 de junho de 2015

Imagens das Baleias nos Mares da Argentina


quarta-feira, 17 de junho de 2015

Sob o Mar ...


domingo, 14 de junho de 2015

Imagens da Aurora Boreal


Download -  Imagens da Aurora Boreal

sexta-feira, 12 de junho de 2015

Fotografias Espectaculares


DownloadFotografias Espectaculares

quarta-feira, 10 de junho de 2015

domingo, 7 de junho de 2015

Central Park em Nova Iorque


sexta-feira, 5 de junho de 2015

Não deve haver outro rio igual.


quarta-feira, 3 de junho de 2015

domingo, 10 de maio de 2015

Explicador(a) de Biologia

A Nota20, Centro de Educação, encontra-se a recrutar explicadores de Biologia para integrar a sua equipa.

Perfil pretendido: 
- Habilitações ao nível da Licenciatura/ Mestrado Integrado;
- Elevada capacidade de relacionamento pessoal;
- Boa capacidade de organização e planificação;
- Gosto pelo ensino/ formação.

Oferece-se: 
- Remuneração compatível com as funções;
- Formação inicial e contínua;
- Integração numa equipa jovem e dinâmica, comprometida com o seu desenvolvimento pessoal e profissional;
- Ambiente de trabalho motivador.


Os interessados deverão enviar CV para

    recrutamento@nota20.net

, indicando a disciplina no assunto.  

sexta-feira, 8 de maio de 2015

Eu não acredito!


Por que há pessoas que negam as evidências?
O HIV não causa a sida. As vacinas provocam autismo. O que é natural é mais saudável. São exemplos de teses defendidas pelos negacionistas, que insistem em fechar os ouvidos ou deturpar os dados científicos. É possível desmascará-los?

O problema da fome no mundo é um perfeito exemplo da aversão pela ciência formal, ou seja, a que é feita em universidades e centros de investigação. Esta recusa dos dados e dos métodos científicos surgiu nas derradeiras décadas do século XX, depois de se ter esfumado a veneração da década de 1950. Continuamos a acreditar nos milagres tecnológicos, mas, de forma contraditória, temos pouca fé nos que são capazes de produzi-los.

Na África subsahariana, há governos como o da Zâmbia, com 2,4 milhões de habitantes à beira da inanição, que recusou, em 2002, receber do World Food Programme várias toneladas de sementes geneticamente modificadas. As autoridades preferiam deixar que os seus cidadãos morressem de fome a plantar as sementes “venenosas”.

Na era da biologia molecular, e com uma teo­ria da evolução completamente estabelecida e comprovada, cresce o número de pes­soas que pensam que Deus nos colocou na Terra como quem planta um gerânio num vaso. O criacionismo conta com um número crescente de adeptos, como é o caso, nos Estados Unidos, dos defensores da chamada “inteligência superior”, uma nova teoria da origem da vida que os darwinianos designam por “neocriacionista”. Segundo os seus defensores, a teoria da evolução não tem resposta para algumas questões sobre o desenvolvimento de determinadas formas vivas. O conceito darwinista da selecção natural não explica totalmente, por exemplo, certas estruturas existentes em seres como os flagelados (protozoários) ou as asas de moscas do género Drosophila, de acordo com Michael Behe, professor de bioquímica na Universidade de Lehigh, o qual insiste que a complexidade dos flagelados e de certos “mecanismos” existentes nas células não pode ter evoluído a partir de outras formas vivas.

Entra o negacionismo científico
Por outro lado, o que dizer, por exemplo, de George W. Bush (fervoroso criacionista) e do seu plano para a prevenção da sida denominado “Abstenção até ao Casamento”? Durante o seu mandato, o ex-presidente norte-americano atribuiu mais de mil milhões de dólares a este programa de política social, apesar de numerosos estudos mostrarem que o convite ao celibato só em raras ocasiões alcançava os objectivos propostos.

Esta forma de pensar, normalmente guiada pela ideologia ou pela religião e que despreza qualquer constatação científica, é designada por “negacionismo científico”. O termo “negacionista” surgiu, pela primeira vez, para referir os autodenominados “revisionistas do Holocausto”, que negam a realidade da matança sistemática de judeus nos campos de concentração. Pela sua conotação moral, muitos criticam que seja utilizado para descrever os que rejeitam, por exemplo, a existência das alterações climáticas. Todavia, há cientistas que consideram que se trata de uma aplicação correcta. Na opinião do virologista norte-americano Robert Gallo, um dos responsáveis pela descoberta do vírus da imunodeficiência humana (VIH), negar que o agente viral seja o causador da sida é semelhante a semear dúvidas sobre o genocídio nazi.

De certa maneira, não deixa de ter razão. Entre 1999 e 2008, a ministra da Saúde da África do Sul (país com cinco milhões de infectados pelo VIH), a ginecologista Manto Tshabalala-Msimang, recentemente falecida, mostrou sempre uma total aversão pelos fármacos retrovirais, ao mesmo tempo que louvava as virtudes do alho, da beterraba, do limão, do azeite e da batata como cura para a pandemia. Poder-se-á quantificar, alguma vez, os danos causados por essa governante anticientífica?

É semelhante o empenho manifestado pelos líderes muçulmanos do Norte da Nigéria. Em 2003, proibiram os fiéis de se vacinarem contra a poliomielite porque, alegavam, fazia parte de uma conspiração ocidental para esterilizar as meninas muçulmanas e propagar ainda mais a sida. Consequência? Os casos de poliomielite aumentaram drasticamente e alguns dos doentes que viajaram até Meca contagiaram outros muçulmanos, o que provocou surtos da doença em mais 12 países.

O VIH não existe
Por vezes, podemos encontrar currículos espectaculares entre as fileiras dos negacionistas. É o caso do biólogo molecular Peter Duesberg, que começou a questionar a relação entre o VIH e a sida em 1987. Outros, como os médicos australianos do Grupo de Perth, negam a própria existência do vírus. Segundo escreveu, em 1993, o então editor da revista Nature, o falecido John Maddox, “os seus argumentos assentam na utilização de retóricas falsas, e ignoram qualquer constatação que entre em conflito com as suas afirmações”.

Nesse caso, por que será que acabam por se converter em opiniões generalizadas? De acordo com o divulgador norte-americano Michael Specter, perito em tecnologia e saúde, isso deve-se, em parte, ao facto de os cidadãos sentirem que estão a perder o controlo sobre o meio circundante devido à rapidez dos avanços tecnológicos. “Trata-se de uma tentativa para reduzir o mundo a dimensões compreen­síveis”, resume.

Contribuíram para isso as más práticas ou o abuso de poder por parte da comunidade científica. O exemplo mais patente é o das barbaridades cometidas durante a Segunda Guerra Mundial pelos médicos nazis e japoneses; se bem que os norte-americanos também tenham motivo para se envergonharem: entre 1932 e 1972, investigadores do Serviço Público de Saúde efectuaram a Experiência Tuskegee, que consistia em deixar de tratar centenas de homens negros doentes de sífilis, para estudar a evolução da doença.

Outra forma de negacionismo é afirmar a existência de uma relação entre dois fenómenos, mesmo que não existam quaisquer provas disso. Um exemplo é a ideia de que a vacinação provoca, entre outras coisas, o autismo. A hipótese surgiu em 1998, quando um grupo de médicos liderado por Andrew Wakefield publicou, na revista médica The Lancet, um estudo em que assegurava haver uma ligação entre a vacina tripla viral (contra a papeira, o sarampo e a rubéola) e os sintomas do autismo. Foi de imediato desmentido.

O regresso do sarampo
Contudo, o pânico espalhou-se entre os ingleses; no prazo de um ano, as vacinações passaram de 92 para 73 por cento. Chegou mesmo ao número 10 de Downing Street: o primeiro-ministro, Tony Blair, recusou revelar se tinha imunizado o seu filho mais novo. Em consequência da situação, o número de casos de sarampo, em Inglaterra e no País de Gales, foi maior em 2006 e 2007 do que na totalidade da década anterior. Em 2008, a incidência aumentou cerca de 50%.

Avaliar os danos é uma tarefa complexa. Para já, a OMS teve de renunciar ao seu objectivo de erradicar, ainda este ano, o sarampo da Europa. Não temos consciência de que só o saneamento básico e a higiene fizeram mais pela saúde humana do que as vacinas, e que nem sequer os antibióticos conseguem competir com elas.

Nos Estados Unidos, quando uma comissão criada pela prestigiosa Academia Nacional de Ciências publicou, em 2001, o relatório sobre a suposta relação entre as imunizações e o autismo, hordas de negacionistas atacaram-no e acusaram os cientistas de estarem a soldo das companhias farmacêuticas. O clamor foi de tal ordem que se voltou a divulgar, em Maio de 2004, um novo relatório ainda mais pormenorizado. Após uma análise exaustiva de todos os dados publicados e ainda por publicar em estudos epidemiológicos efectuados em numerosos países com centenas de milhares de crianças, a comissão confirmava que não existia qualquer prova de uma ligação. A presidente, Marie McCormick, era suficientemente explícita: “Não há qualquer dúvida sobre as conclusões; os dados são claríssimos.”

Contudo, o medo é mais infeccioso do que os vírus, sobretudo se houver personalidades conhecidas a contribuir para propagá-lo. Robert F. Kennedy Jr. acusou o Centro de Controlo de Doenças (CDC) de “ordenar aos investigadores que negassem qualquer ligação com o autismo”. Num artigo publicado na revista Rolling Stone, acusou as diversas agências de saúde governamentais de conspirarem com a indústria farmacêutica para ocultar os riscos das vacinas à população. Confessou, ainda, ter sido um céptico até ter lido determinados estudos científicos que lhe abriram os olhos. Claro que não revelou quais tinham sido, ou onde tinha adquirido as suas súbitas competências epidemiológicas.

Outros, como Jenny McCarthy, ex-namorada do actor Jim Carrey, têm uma maneira singular de se “especializar” na questão. Quando lhe disseram que os dados da CDC pareciam refutar a campanha antivacinas que lançara, respondeu: “A minha ciência chama-se Evan [o seu filho autista] e está agora em casa.” Onde obteve os conhecimentos que defende? “Na Universidade do Google.” Noutra ocasião em que três médicos mostraram estar em desacordo com a ex-coelhinha da Playboy, ela replicou simplesmente: “Merda!” Carrey é igualmente conspiranóico: “Não podemos permanecer cegos aos interesses da CDC, da Academia Americana de Pediatria e da indústria farmacêutica.”

O efeito deste género de posições pode ser muito perigoso (http://www.jennymccarthybodycount.com). Em alguns estados norte-americanos, os pedidos de isenção de vacinas por motivos filosóficos ou religiosos quadruplicaram durante a última década. O problema não é haver uma minoria de crianças sem imunização: a doença precisa de estender os seus tentáculos e, sem uma massa crítica de organismos receptivos, não pode progredir. Porém, se houver menos de 90% vacinados, a protecção de grupo desaparece e as consequências são difíceis de prever. É o caso, já referido, do sarampo no Reino Unido, país onde estava praticamente erradicado em meados da década de 1990. Contudo, os negacionistas descrevem desdenhosamente a evidência estatística como sendo “outro ponto de vista”.

Cruzada para eliminar o sintético
O triunfo dos argumentos anti-empíricos afecta também a esfera do consumo. Imagine que lhe mostram duas fatias de pão: uma provém de uma grande superfície e a outra, idêntica, de uma pequena padaria. Qual escolheria? Certamente, a segunda. Os motivos pouco têm a ver com a qualidade do alimento; simplesmente, o produto artesanal significa autenticidade. Fala-nos de uma forma de vida tradicional, talvez mais verdadeira e honesta; para nós, urbanos, que vivemos longe do campo, a agricultura evoca a beleza, o lar, a terra. A Revolução Industrial, com as suas máquinas e tecnologias, destruiu esse mundo puro, semelhante à povoação onde vivem os alegres e genuínos hobbits de O Senhor dos Anéis.

O desejo de autenticidade é convenientemente explorado por muitos dos defensores da agricultura orgânica ou biológica, que não utiliza fertilizantes químicos nem organismos geneticamente manipulados. “Se estiver preo­cupado com a sua saúde ou com a dos seus filhos, com a forma como os animais são tratados ou com o bem-estar dos agricultores e o futuro do planeta, deve comprar alimentos orgânicos”, recomenda Peter Melchett, da Soil Association, a organização de agricultura ecológica mais importante do Reino Unido.

Este género de raciocínio, que envolve uma superioridade ética, é habitual entre os seus adeptos. Trata-se de uma missão quase evangelizadora: cultivar e comer tudo o que seja saudável e natural, livrando o mundo da sua dependência do sintético. Por vezes, a publicidade tenta confundir biológico com fresco. É óbvio que os produtos de agricultores vizinhos sabem melhor. A vantagem de ter uma pequena horta no jardim reside, precisamente, no facto de se consumirem vegetais acabados de colher, independentemente dos métodos utilizados para o seu cultivo. Todavia, não é verdade que os alimentos ecológicos sejam mais nutritivos e saudáveis do que os convencionais, como demonstram diferentes estudos.

Em 2008, o governo dinamarquês encarregou o Centro de Investigação de Alimentos Orgânicos de descobrir se havia diferenças significativas em função do modo de cultivar cenouras, batatas e maçãs. Durante dois anos, os produtos foram o sustento de ratos de laboratório. Os investigadores, liderados por Susanne Bügel, da Universidade de Copenhaga, concluíram que o seu trabalho “não apoiava a convicção de que os alimentos orgânicos contivessem mais nutrientes”. Tal como outros negacionistas, muitos dos seus defensores limitam-se, simplesmente, a fazer ouvidos de mercador aos estudos e continuam a proclamar as virtudes daquilo em que acreditam. Ou, então, chegam aos extremos do combativo Peter Melchett, que afirma: “São os consumidores, e não os cientistas, que devem decidir se os pesticidas utilizados são seguros.” Importa-se de repetir?

A defesa cega do natural torna-se atraente, muito embora nada do que comemos hoje possa, realmente, ser assim designado, pois resulta de séculos de manipulação genética através da selecção artificial e da hibridação. Actualmente, a referida manipulação é feita em laboratório e provoca grandes receios... apenas no nosso prato. Nina Fedoroff, assessora científica da secretária de Estado norte-americana Hillary Clinton, é suficientemente clara: “Aceitamos a tecnologia no campo da medicina, mas, quando se trata de alimentos, queremos recuar até ao século XIX.”

Curas clínicas e espirituais
Tendo em conta que todos os alimentos processados possuem um ingrediente proveniente de organismos geneticamente modificados e que os consumimos há 30 anos, é paradoxal afirmar que são prejudiciais, quando não há registo de uma única morte em todo o mundo por sua causa. Um dado que se pode confirmar é que, em 2008, 2000 norte-americanos perderam a vida por tomar aspirinas, e 300 ao tomarem banho em casa. Por que será, então, que ninguém pede para se aplicar uma moratória ao ácido acetilsalicílico ou às banheiras?

As medicinas alternativas e complementares (MAC) são outro dos focos mais activos do negacionismo científico. Um dos seus grandes propagandistas (com tiques de misticismo New Age) é Andrew Weil: afirma não com­preen­der a preocupação científica em ter estudos controlados, que não são mais do que pormenores insignificantes, tanto para ele como para os seus seguidores. No mundo das terapias naturais, a constatação não é tão importante como a convicção. Segundo Weil, a medicina baseada em evidências “é uma forma de pensar que descarta as provas da experiência; temos de estar atentos à realidade não-material, à cura espiritual”. Advoga, essencialmente, que as particularidades pessoais estão ao mesmo nível ou acima dos ensaios clínicos.

Este modo de pensar explica posições como a do senador democrata Tom Harkin, o defensor político das MAC nos Estados Unidos. Em Março de 2009, Harkin declarou estar muito desiludido com o Centro Nacional para as Medicinas Alternativas, que tinha contribuído para criar. Motivo? Porque apenas se tinha dedicado, desde 1998, “a refutar coisas, em vez de procurar uma maneira de fazer aprová-las”.

O negacionismo nada tem a ver com o cepticismo alimentado pela ausência ou escassez de provas. Como assinalou recentemente, na New Scientist, Michael Shermer, director da Skeptics Society, há uma diferença subtil entre dizer “acredito no Big Bang” e “acredito na democracia”. Em princípio, a primeira afirmação pode ser confirmada ou refutada com recurso a melhores teorias. A segunda, não, pois depende da ideologia ou, noutros casos, da religião. Os dados nunca poderão afectar as suas convicções.

Os mandamentos do negacionista
Pretende defender uma teoria peregrina numa mesa de debate ou num programa televisivo? Aprenda com os especialistas e aplique estes preceitos, simples e suficientemente cínicos.

1. Jogue com a incerteza. Se os cientistas hesitarem, qualquer conclusão basea­da nas suas opiniões será prematura. Defenda que a sua posição também deve ser ouvida; se assim não for, estará a ser vítima de censura.

2. Escolha os argumentos empíricos que apoiem a sua hipótese e ignore os outros.

3. Cite a opinião de falsos peritos. Não interessa que sejam de campos que não pertençam aos do tema em debate

4. Rejeite qualquer consenso científico: na realidade, trata-se de uma conspiração por parte dos poderes fácticos e dos grupos de peritos. Seja conspiranóico.

5. Seja criativo com as falácias lógicas.



M.A.S. SUPER 150


domingo, 3 de maio de 2015

Professores / Explicadores de Biologia e Geologia para Lisboa

A Nota Êxito - Centro de Ensino, Lda. é uma empresa de referência em Aulas de Apoio ao Domicílio em todo país, desde 2007. 

Para integrar a nossa bolsa de Professores, selecionamos Docentes / Explicadores de Biologia e Geologia para Lisboa. 

O regime laboral é definido em part-time, como prestação de serviços. 

Os candidatos devem possuir: 
- mínimo licenciatura na(s) área(s) académica(s) requerida(s) 
- experiência pedagógica (preferencial) 
- responsabilidade profissional e ética 
- simpatia 
- disponibilidade de horário para acompanhar os Alunos até ao final do período a definir 
- capacidade de trabalho em equipa e sob supervisão 
- conhecimentos de informática na ótica do utilizador 

Os interessados deverão enviar CV atualizado, indicando na carta de apresentação a preferência pelo(s) concelho(s) em que pretendem lecionar. 

No assunto do email deve APENAS constar BIO/LIS 

As candidaturas deverão ser remetidas para o email de recrutamento da empresa. 

    recrutamento@notaexito.com

quinta-feira, 30 de abril de 2015

Emprego - Biologia e Geologia - Centro Ciência Viva de Estremoz

Devido à futura saída da professora destacada que tem colaborado nos últimos anos com o Centro Ciência Viva de Estremoz, este Centro tem uma vaga para PROFESSOR(A) DESTACADO(A) (preferência para o grupo de recrutamento 520) para o próximo ano lectivo. 

Os interessados devem enviar por e-mail (imachado@uevora.pt e ccvestremoz@uevora.pt) até ao dia 2 de Maio uma carta de motivação onde apresentem os seguintes elementos:

-Habilitações académicas e profissionais;
-Experiência profissional e valorização curricular;
-Exercício de cargos dirigentes ou outros cargos ou funções de reconhecido interesse público ou relevante interesse social;
-Contacto móvel.

domingo, 26 de abril de 2015

Professores / Explicadores de Biologia e Geologia - Lisboa (Cascais)

A Nota Êxito - Centro de Ensino, Lda. é uma empresa de referência em Aulas de Apoio ao Domicílio em todo país, desde 2007. 

Para integrar a nossa bolsa de Professores, selecionamos Docentes / Explicadores de Biologia e Geologia para Lisboa. 

O regime laboral é definido em part-time, como prestação de serviços. 

Os candidatos devem possuir: 

- mínimo licenciatura na(s) área(s) académica(s) requerida(s) 
- experiência pedagógica (preferencial) 
- responsabilidade profissional e ética 
- simpatia 
- disponibilidade de horário para acompanhar os Alunos até ao final do período a definir 
- capacidade de trabalho em equipa e sob supervisão 
- conhecimentos de informática na ótica do utilizador 

Os interessados deverão enviar CV atualizado, indicando na carta de apresentação a preferência pelo(s) concelho(s) em que pretendem lecionar. 

No assunto do email deve APENAS constar BIO/LIS 

As candidaturas deverão ser remetidas para o email de recrutamento da empresa. 

    recrutamento@notaexito.com


sexta-feira, 24 de abril de 2015

Precisa-se de professor(a) de Biologia e Geologia

O Centro de Estudos Lápis e Companhia, situado em Travanca, Santa Maria da Feira, encontra-se a recrutar Professor(a) de Biologia e Geologia para o serviço de Explicações Individuais. 

Perfil do candidato: 
- Licenciado(a) na área a que se candidata; 
- Experiência na área de ensino; 
- Capacidade de comunicação e motivação de crianças e jovens; 


Os candidatos deverão enviar CV, indicando a disponibilidade horária, para o email

    se.lapisecompanhia@gmail.com

quarta-feira, 8 de abril de 2015

Professor de Biologia, Geologia, Português e História

Centro de estudo sediado na freguesia de São João da Talha,concelho de Loures, recruta professores de Biologia, Geologia, Geografia, Português e História, com urgência. 
Os candidatos deverão enviar a sua disponibilidade para: 

segunda-feira, 6 de abril de 2015

Precisa-se de Professor de Biologia e Geologia para a Póvoa de Lanhoso

Descrição da Oferta:
Somos o grupo empresarial Centro Nuno Martins, uma empresa com raízes sólidas que assume grande expansão a nível nacional. Assumimos como núcleo de negócio a educação dispondo de diversos centros de estudo. Estamos a recrutar um professor de Biologia e Geologia para o centro da Póvoa de Lanhoso. 

Perfil do Candidato: 
Com/Sem Experiência 
Espírito de iniciativa e de equipa 
Proatividade 
Orientação para objetivos 
Elevado sentido de organização e responsabilidade 

Oferta: 
Preparação para exames 
Regime de prestação de serviços 
Metodologia de trabalho inovadora e eficaz 
Formação e acompanhamento permanentes 
Inclusão em novos projetos 

Enviar o currículo vitae para o contacto:

sábado, 4 de abril de 2015

Professor(a) fisico-química e biologia e geologia para centro de estudos

Professor/a com alguma experiência em explicações e/ou no ensino.
Sentido de responsabilidade, prático e objetivo.
Gosto pela a área.

Centro de Estudos na Póvoa de Penafirme - Torres Vedras.

e-mail:
    centro.ideafix@gmail.com


quinta-feira, 2 de abril de 2015

Precisa-se Formador/a de Biologia e Geologia

Centro de Formação Profissional em Torres pretende recrutar formador/a para ministrar EFA na área de Biologia e Geologia - 520. 


Requisitos: 
- Formação académica e/ou experiência profissional adequadas e certificada; 
- Habilitação para a Docência; 
- Experiência na área a que se candidata; 
- Possuir CAP; 
- Disponibilidade imediata; 
- Preferencialmente residência na área de Torres Vedras; 



As respostas têm de ser enviadas, acompanhadas de CV para o seguinte email:


sexta-feira, 13 de março de 2015

Sindicato tenta suspender concurso para vinculação de 1543 professores


O Sindicato de Professores da Zona Centro (SPZC) anunciou nesta sexta-feira que no início da próxima semana vai interpor no Tribunal Administrativo e Fiscal de Coimbra (TAFC) uma providência cautelar, com o objectivo de suspender o concurso externo que está a decorrer e que poderá garantir a entrada nos quadros do Ministério da Educação e Ciência de 1453 professores. Segundo o presidente do SPZC, José Ricardo Nunes, o seu objectivo é, na sequência de uma eventual decisão favorável do TAFC, interpor uma acção principal reclamando vinculação de todos os professores que já cumpriram, no passado, as condições impostas no actual diploma do concurso – “ São uns bons milhares, aqueles que têm direito a entrar nos quadros”, calcula.

O concurso externo, que está em fase de candidaturas, prevê a aplicação, pela primeira-vez, daquilo a que o Ministério da Educação e Ciência (MEC) chama a “norma-travão”. Uma medida que torna semi-automática (na medida em que depende de um concurso para colocação nas escolas) a vinculação dos professores com cinco contratos sucessivos ou quatro renovações, com horário completo e anual, no mesmo grupo de recrutamento.

O SPZC vai argumentar, na providência cautelar, que o MEC está a “a ferir o princípio da igualdade” ao limitar a possibilidade de concorrer em 1.ª prioridade aos docentes que reuniram aquelas condições entre os anos lectivos de 2010/2011 a 2014/2015. Questionará, também, a interpretação que o MEC faz da legislação, que estabelece que a norma é aplicada “em 31 de agosto de 2015 aos docentes que nessa data completem” os limites de renovações estabelecidos.  Na sua perspectiva, explica o dirigente sindical, a lei abrange todos os que até essa data cumpram as condições referidas.  

“Se a norma fora aplicada tal como o MEC pretende, milhares de professores, alguns com uma dezena ou mais de anos de serviço, com contratos anuais, completos e sucessivos, no mesmo grupo de recrutamento, serão ultrapassados, só porque, por qualquer razão, viram os seus contratos interrompidos nalgum momento dos últimos cinco anos”, afirmou José Ricardo Nunes. 

Apesar de poder implicar a suspensão do concurso externo, a medida foi saudada por César Israel Paulo, dirigente da Associação Nacional dos Professores Contratados (ANPVC), que em declarações ao PÚBLICO afirmou que a revindicação do SPZC "é da mais elementar justiça". 

Nem todos mostraram tanto entusiasmo. Embora o SPZC pertença à Federação Nacional de Educação (FNE), a acção é individual. “Cada sindicato é livre de fazer o que bem entender”, comentou, quando contactado pelo PÚBLICO, João Dias da Silva, dirigente daquela organização, que não quis dizer se aprova ou não a decisão daquele sindicato de professores do Centro.

Tanto a ANVPC, como a FNE e a Federação Nacional de Professores  (Fenprof) recorreram aos tribunais, através dos respectivos sindicatos, para reclamar o cumprimento da Directiva da Comissão Europeia de 1999 ,que visou pôr termo ao abuso do recurso a sucessivos contratos a termo. Nas acções, que ainda decorrem, reclamam a vinculação de todos os docentes que desde 2001 (ano limite para a transposição da directiva para a legislação nacional) celebraram três ou mais contratos sucessivos com o Estado português, independentemente do respectivo grupo de recrutamento.

A legislação que está no centro da polémica tem um ano, mas muitos professores parecem ter dado conta dela e das suas consequências nas últimas semanas. Nos grupos de docentes do facebook, muitos mostram-se indignados com as ultrapassagens de de colegas com menos graduação profissional. Alguns falam em juntar-se às 15h deste sábado, junto ao MEC, para uma acção de protesto.

Noticia retirada daqui

quinta-feira, 5 de março de 2015

X Congresso Nacional Cientistas em Ação


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos